Mês: maio 2009

De Volta aos trabalhos….

Bem, vamos lá, né? Nesse loooongo tempo de ausência muita coisa aconteceu. Por isso meu sumiço.  Trabalho em excesso, separação, vida nova, amigo voltando de longe, passeios, passeios, passeios… e o cabeção muito cheio de idéias para conseguir concentração suficiente para por tudo no papel… ou na tela, sei lá.

Sim, me separei. Em fevereiro meu namoro de três anos chegou ao fim. O engraçado é que não foi sofrido nem dolorido…  apenas acabou. Eu estava vendo televisão com ele, conversando sobre amenidades e quando me dei conta estava no elevador com minhas malas e voltando pra casa dos meus pais. Sei que já havia comentado sobre isso aqui memso, na época do meu niver, mas quero falar de novo só para limpar de uma vez por todas essa história. Agora estou naquela fase difícil, que a gente meio que se deu conta que acabou mesmo e ficamos cercando um ao outro tentando arrumar uma forma, não de voltar, mas de continuar “em contato”, marcando território. É a fase mais chata. Mesmo namorando ele faz questão de me ligar sempre pra acertar algum detalhe pendente e, sem querer, contar alguma novidade. O maior problema do ser humano, a meu ver, é a necessidade de sempre ter de se sentir por cima (de um lado) e de se sentir por baixo (do outro), não necessariamente nessa ordem. É um tal de um tentar machucar o outro e do outro procurar motivo pra se sentir machucado o tempo todo. Mas eu já estou saindo dessa etapa, eu acho, e sei que logo estarei numa outra encrenca de novo.

Eu tenho uma teoria de que só esquecemos o EX quando arrumamos outro EX para por no lugar. A vida, na verdade, é resumida numa longa série de EXesses (?) que passam por nossa vida. Outro dia coloquei no Facebook: “preciso conhecer alguém, pra pedir em namoro, ficar junto uns três dias, arrumar um motivo para brigar, terminar o namoro e assim me livrar do EX atual”… coitado, ele nem é tão ruim assim… eu gosto muito dele… mas só que é ex e eu quero que essa fila ande.

Mas o melhor de tudo, o que me aconteceu de mais legal e o que tem preenchido minha vida nas últimas duas semanas é minha nova casa. Aluguem um apê tuuuudo de bom e estou, há exatamente uma semana, morando no Largo do Arouche. Uma coisa Sai de Baixo. Estou muito feliz e a sensação de.. não de liberdade, porque isso é óbvio… mas de TROCA TOTAL de rotina, é maravilhosa. Novas paredes, nova janela, nova vista, novo lado da cama pra acordar, novo chuveiro, novos horários, novo caminho pro trabalho e, mais do que tudo, novo lugar pra voltar depois do trabalho.. tudo isso faz meu dia passar mais rápido, ser mais colorido e especial. To amando isso tudo! Olhem só essa sala!

DSC01441