ADOOOOOOORO!

Receita para flutuar

Quer passar um dia super leve, flutuando, como se você estivesse andando nas nuvens? Então faça uma festa de aniversário!

dsc00631É assim que estou me sentindo faz dois dias. Domingo foi meu aniversário e, pela primeira vez na vida, respirei fundo, tomei coragem e fiz uma festona. A ÙNICA desvantagem de ter nascido aquariano é exatamente essa… meu aniversário quase sempre cai na semana do carnaval… quando não cai, o povo está cansado de bagunça ou economizando energia e grana para se acabar na festa de momo. Para vocês terem uma idéia eu já passei aniversário sozinho, com uma tia avó porque até meus pais tinham ido viajar! Muito triste….

dsc00635Há uns seis anos eu conheci uma outra aquariana maluquinha e quando descobrimos que fazíamos aniversário com um dia de diferença, prometemos fazer uma festa juntos. Nunca rolou… coisas da vida. Ano passado ela veio trabalhar comigo e quando o ano começou ela já veio com a idéia da festa, o que me assustava bastante, confesso. Traumas. Estava com medo pois nem poderia contar com minha tia avó pois ela já morreu!

dsc00632Imagina só se ninguém fosse… A doida queria fazer festa a fantasia, eu não. Acho um saco porque todo mundo acaba indo de enfermeira sexy ou Rambo… sugeri então duas coisas: quando eu era produtor de locação, conheci todos os puteiros ali da Nestor Pestana. Desde então meu sonho de vida passou a ser fazer uma festa num deles. Outro sonho meu era fazer uma festa como tema Cassino do Chacrinha. Sempre achei que seria super diferente e original.. minha cara isso! Ela topou os dois e a festa acabou acontecendo nesse ultimo domingo. Tinha até o proprio Chacrinha na porta recebendo do povo!

dsc00638O legal desse tema é que quem não quis produzir fantasia pode, pelo menos se inspirar na alegria e colorido que rolava no programa do Chacrinha! E foi isso o que aconteceu… tudo foi muito BOM. Adoraram a locação.

cyndiA Boate tinha um climão decadente bagaceira que combinou com o tema… as pessoas se inspiraram e teve gente de Cátia Cega, Fofão e Cindy Lauper.

fofaoMas, o que ficou mesmo em mim foi receber o carinho e atenção de todos. Ver gente indo mesmo embaixo de chuva, topando a brincadeira e se jogando de verdade na diversão e alegria.

turma1Isso tudo é muito bom. Eu sempre falo que esses ocasiões são únicas e que devem ser guardados no nosso tanquinho reserva para momentos de energia em baixa. Nada melhor para se lembrar num dia de tristeza que somos amados, reverenciados e queridos. Isso afasta qualquer vudu.

dsc00636Reconheço que tenho andando afastado daqui. Preguiça pura. Agora com meu tanque energético cheio pretendo voltar a escrever mais vezes. Muitas coisas aconteceram… estou solteiro de novo, trabalhos novos e legais rolando e um montão de oportunidades a vista. Prometo falar disso tudo. Beijos e curtam as fotos!

dsc00633

dsc00637

festa-1

festa-4

festa3

festa-2

Anúncios

UUUUUUUUUUUUUIA!

Que Felipe Massa que o quê… Que Hamilton de %$¨#@* coisa nenhuma! De agora em diante só vou torcer para o Timo Glock, o tal alemão que todo mundo esta xingando por ter estragado a festa do povo ontem no encerramento da Formula 1. Deem uma olhada e desculbram se eu não estou certo…

Santa Gal Trasformadora de Belezas

Há algum tempo eu vinha sentido saudades da Gal Costa. Saudades da época que eu ouvia, me interessava e curtia essa grande cantora. Comecei a gostar dela por volta de 1978, na época do Gal Tropical e fui curtindo cada vez mais até meados dos anos 90 quando acabei assumindo que ela estava ficando chata. Parece que ela foi perdendo o brilho e a vonade de fazer um trabalho consistente… sentia ela preguiçosa e sem energia. Tudo parecia obvio e sem graça… por isso desisti dela.

Mas a saudade apareceu e resolvi baixar algumas músicas do período melhor dela… coisas dos anos 60 e 70 e um pouquinho dos 80. Musicas como “Tigresa”, “Não Identificado”, “Coração Vagabundo” e “Sua Estupidez”.

Que delícia! Foi a melhor coisa que podia ter feito. Tenho passado momentos deliciosos ouvindo essas músicas. Fico tentando imaginar onde foi parar essa Gal que gostava do que fazia e mostrava isso cantando com prazer e dedicação. A voz é linda, única e impressionante. Da afinação não preciso nem comentar nada, não é?

Mas nem tudo está perdido… entre os cds que baixei estava um que é bem recente: Gal Costa Live at The Blue Note, lançado em 2006. è o registro do show que Gal fez na casa jazzista lá de Nova York. Músicas óbvias (bossa) para uma platéia exigente. Mas o CD é lindo e provocou um efeito mágico enquanto eu ouvia… estava eu, ouvido pela primeira vez enquanto andava de ônibus pela cidade e de repente me dei conta que tudo parecia mais bonito e poético. Até a Praça da Bandeira (quem conhece sabe que não é exatamente o que se pode chamar de “ponto turístico orgulho de SP”) parecia mais colorida, as pessoas mais bonitas e a vida mais interessante. Esse é o efeito que a arte provoca na gente… esse é o efeito que uma linda voz, cantando lindas composiçoes pode fazer com nossas vidas. De agora em diante, quando tudo parecer cinza, feio e sem graça já sem a quem recorrer!

Woody Allen de novo!

Eu adoro filmes do Woddy Aleen. Principalmente os antigos. Marcaram minha vida, posso dizer isso com muita certeza. Rosa Purpura do Cairo, Manhattan, Radio Days, Zelig e tantos outros chego a considerar que são verdadeiras obras primas. Um desses meus preferidos é o Hannah e suas Irmãs. Adoro o clima descontraído, as históras paralelas e a interpretações magistrais. Tudo perfeito. Mas a pouco acabei de me tocar que existe algo a mais nesse filme que eu não me lembrava. Como alguns sabem, além de músicas, tenho baixado filmes também e, recentemente, decidi que queria ter esses filmes que são tão importantes pra mim. O primeiro que completei foi exatamente esse, Hannah e suas Irmãs.

Eu estava acertando as legendas, dando uma passada nas cenas e me lembrando da história aos poucos quando me oquei que tudo ainda estava muito claro e presente, como se tivesse visto o filme na semana passada e não em 1986, na época do lançamento (essas coisas é que mostram que um filme é um verdadeiro clássico, não?)… aí me deparei com a minha cena preferida. O personagem de Woody, um neurótico, hipocondríaco que vivia em crise com medo de morrer (tipico, não) descobre o sentido da vida ao assistir, sem querer um filme dos irmãos Marx. Veja a cena e em destaque abaixo o texto da cena mais importante pra mim:

Entrei num cinema.Nem sabia qual era o filme.

Precisava de um tempo para pensar botar o mundo numa perspectiva racional.

Subi para o balcão e me sentei.

Já tinha assistido àquele filme várias vezes desde a infância e sempre adorava.

Comecei a prestar atenção e a me envolver.

Daí, comecei a me tocar de umas coisas…

“Como pude pensar em se matar? Que estupidez! Veja essas pessoas na tela… São engraçadas! 

E se o “pior” for verdade?

Deus não existe? E só se vive uma vez?

Não quer viver essa experiência?

Não é tão chato assim!”

Pensei que deveria parar de procurar respostas que nunca encontraria e curtir a vida enquanto durasse.

E o depois? Quem sabe? Talvez exista algo.Ninguém sabe.

“Talvez” é um fio muito fino para nos apoiarmos mas é o que temos.

Então, relaxei e comecei a curtir o momento.

Agora percebi e sei como MUITO do que aprendi e do que eu sou hoje é um resultado de tudo li nos livros, assisti nos filmes e aproveitei das músicas que apreciei até hoje. Tudo ficou registrado e me alimentou com informações e esclarecimentos para minhas dúvidas e quesões. É claro que esse filme provocou o mesmo resultado em mim tal qual aconteceu com o personagem… Na época que assisti sai do cinema mais feliz e hoje sou uma pessoa mais leve e pronta pra curtir a vida a cada dia. Obrigado Woody!

Manual para Baixar Músicas Legais

Já falei mais de uma vez aqui o quanto gosto de músicas. Se você não leu, pode estar certo de que não é pouco não. Mas mais do que ouvir músicas, eu adoro descobrir novos sons e novos cantores e grupos musicais.

Muito antigamente eu comprava LPs e adorava gravar fitas cassetes para dar de presente. Achava o máximo ficar fazendo a seleção, escolhendo a ordem e passar horas a fio gravando música por música em tempo real. Era o época da música analógica onde a gente tinha que ouvir tudo na ordem estabelecida. Depois chegaram os CDs. Isso foi muito legal também porque além de acabar com esse lance “careta” trouxe de volta milhões de albuns que já estavam fora de catálogo e não encontrávamos mais em vinil. Essa fase foi linda porque descobri a grandiosidade de artistas como Ella Fitzgerald, Billie Holiday e Dinah Washington que só apareciam em coletâneas mal feitas. Um dia eu conto aqui o que aconteceu com todo esse material que adiquiri na época… snif.

Agora minha divesão é baixar músicas pela net. Mais digital impossível. Baixo o que quero, gravo quem nem conheço e, se não gosto, deleto sem dó. Meu arquivo musical hoje é gigantesco e no meu Ipod tem coisa que eu nem sabia que possuia. De vez em quando entra uma musica que nunca havia ouvido e que acaba sendo uma grande descoberta.

Como sou MUITO bonzinho deixo aqui os meus caminhos para encontrar alguns tesouros, coisas legais, trashices divertidas e, por que não, as porcarias também. Tudo vale a pena conhecer!

1. Minha primeira fonte é a Hypemachine. Entro lá, digito o que quero no campo de pesquisa e sempre encontro muito mais do que eu queria. Na verdade esse é um índice de blogs musicais. Eles catalogam e indexam todos os blogs que disponibilizam música para download. É fantástico porque que esse indice é atualizado minuto a minuto. Então toda hora tem novidade;

2. O legal mesmo do Hypemachine é descobrir as novidades. Foi lá que eu ouvi pela primeira vez o The Ting Tings, o Si*Sé, Justice e muitos outros sons que estão sendo descobertos por todo mundo só agora. Eu faço assim: Escrevo “Remix” no campo de procura e vou baixando tudo que aparece. Só tive surpresas boas. E antes que alguém jogue alguma pedra, esses remixes não são “bate cabelo” ou “drag music”, tá?

3. O legal do Hypem é que pra baixar as músicas você antes de que ir ao site onde o download foi publicado… então você acaba conhecendo milhares de blogs legais com dicas mais legais ainda!

4. Outra fonte boa é o blog do Arjan… o Arjanwrites. Ele é um carinha (diliça) que adora música e sempre dá dicas legais de novidades do mercado. Lá encontramos entrevistas, fotos, releases e muita coisa pra baixar gratuitamente com autorização dos artistas. Já baixei coisas bem legais tipo Cobra Dukes, Mark Huculak e Di Johnston, minha preferida.

5. Antes eu ficava super irritado porque encontrava muitas coisa que me interessava muito no Myspace mas as músicas não estavam “avalable” para download… agora meus problemas acabaram! Minha última mania é o site File2hd que faz a baixotildes, como diz o Marcelo (outra boa fonte musical), de qualquer música, de qualquer site, mesmo que não tenha o link pro download… legal não?? Foi assim que baixei The Rurals e Cue Kids só pra bancar a pheeeeena.

Espero que gostem e curtam a dica… se eu sumir é porque fui preso.